Hospital Unimed Araçatuba implementa projeto na metodologia Lean

Com a competitividade cada vez maior entre as empresas, reduzir custos, problemas de qualidade e maximizar lucros por meio da inovação se tornou uma necessidade de todas as organizações que desejam se manter no cenário atual independente do setor que atuem. Para isso, existem os profissionais certificados em metodologias de melhoria de processos, inovação e gestão denominados “Belts” (ou “faixas”) na metodologia Lean Seis Sigma.

O Lean Seis Sigma (ou Lean Six Sigma) é a junção das ferramentas mais avançadas e refinadas de controle estatístico de processos provenientes do Seis Sigma americano com a filosofia de inovação, desenvolvimento e sustentabilidade do Lean japonês.

O Lean foi uma metodologia/filosofia desenvolvida em grande parte pela empresa Toyota no período pós segunda guerra mundial e é baseada na premissa de produzir, seja bens de consumo quanto serviços, da maneira mais eficiente possível por meio da redução de desperdícios sejam eles de material, tempo de espera, estoque, movimentação entre outros. O intuito principal é disseminar a filosofia da “produção enxuta” para todos os envolvidos promovendo uma cultura organizacional de alto padrão e comprometimento com colaboradores engajados e motivados. Foi essa metodologia e essa cultura que levou o Japão de um pais semi feudal devastado no final da segunda guerra para uma potência tecnológica nos dias atuais

O Seis Sigma (ou Six Sigma) é a junção de várias metodologias estatísticas que visam controlar a variação no processo produtivo e foi implementado formalmente pelas empresas Motorola e GE nos EUA, anos 80. Por essa metodologia, todo o desvio no padrão pré estabelecido é considerado um “defeito”, ou seja, tudo aquilo que no final do processo produtivo (seja de bens de consumo ou de serviços) apresenta variação do esperado (um corte de cabelo diferente, uma calça mais apertada, um chocolate com menos cacau…) é visto como algo ruim. A aplicação do Seis Sigma juntamente com normas de padronização da ISO foram fatores cruciais de sucesso para o boom econômico dos EUA nos anos 60, 70 e 80 e fizeram com que empresas com menos de 10 funcionários se tornassem multinacionais vanguardistas

O Lean Seis Sigma nada mais é do que a junção da filosofia Lean de reduzir desperdícios com as ferramentas do Seis Sigma para controlar variações aplicados às necessidades individuais de cada empresa que o implementa.

Com o intuito de elevar o patamar gerencial e a cultura organizacional, o Hospital Unimed Araçatuba identificou essa oportunidade de melhoria e iniciou um treinamento no último dia 29/03 para os setores de suprimento e diretoria no curso de “White Belt”, o primeiro passo para a certificação Lean Seis Sigma ministrado pelo Master Black Belt Rafael Guedes Ferreira. Com isso, o Hospital pretende investir na capacitação interna de seus colaboradores para atingir seus objetivos estratégicos.

3 de Abril de 2018Unimed de Araçatuba