modelo-imagem-cabecalho
 

Carências

Os prazos de carência definem quando o beneficiário pode fazer uso dos serviços relacionados após a contratação do plano. Os prazos de carência são definidos pela lei federal nº 9656/98:

Urgências e emergências (acidente pessoal)24 horas
Consultas e exames de rotina, após o primeiro pagamento30 dias
Exames sofisticados ou de alta complexidade180 dias
Internações clínicas e cirúrgicas, inclusive para transplante de rim e córnea180 dias
Partos e intercorrências300 dias

A carência mínima para internação clínica ou cirúrgica é de seis meses e a máxima é de dois anos, somente para as doenças ou lesões pré-existentes à assinatura contratual.